DGS: Vidigueira e Mértola são os concelhos de maior risco no distrito.


Segundo os dados por concelhos divulgados pela DGS, Vidigueira e Mértola são os concelhos de maior risco de covid-19, estando na lista de risco “muito elevado”, podendo ter regras mais apertadas.

De acordo com os dados do boletim epidemiológico da Direção-Geral de Saúde (DGS) sobre o risco de infeção por concelho, Vidigueira entra do patamar de risco “muito elevado” onde já estava Mértola, que acarreta o recolher obrigatório às 13 horas durante o fim-de-semana.

Por seu turno os concelhos de Beja e Cuba que estava em risco “moderado” subiram para risco elevado.

Os números por concelho foram apurados até dia 27 de dezembro, não refletindo ainda o impacto da época festiva. Os patamares de risco e as diferentes restrições impostas são estipulados através do número de novos casos por 100 mil habitantes, registados nos últimos 14 dias.

Ranking de risco de covid-19

Extremamente elevado: sem registo, Muito elevado: Mértola e Vidigueira, Elevado: Beja, Cuba e Odemira e Moderado: Aljustrel, Almodôvar, Alvito, Barrancos, Castro Verde, Ferreira do Alentejo, Moura, Ourique e Serpa.

Veja no mapa as medidas concelho a concelho: https://covid19.min-saude.pt/ponto-de-situacao-atual-em-portugal/

Nos concelhos com risco “muito elevado” a circulação não é permitida após as 13 horas ao fim-de-semana e todo o comércio é encerrado às 13 horas ao sábado e domingo, com exceção para farmácias, clínicas e consultórios, estabelecimentos de venda de bens alimentares com porta para a rua até 200 m2 ou bombas de gasolina. No caso dos restaurantes, o funcionamento só é permitido com entregas ao domicílio.

O Conselho de Ministros deu esta terça-feira um parecer favorável à renovação do estado de emergência por mais 8 dias, até dia 15 de janeiro.


Share This Post On
970x90_logo