Beja: Jovem julgado à porta fechada por violação e roubo da ex-namorada.


Um jovem de 21 anos, de nacionalidade cabo-verdiana, residente em Beja, começa hoje a ser julgado, à porta fechada.

O Coletivo de Juízes será presidido por Vítor Maneta, e o julgamento decorrer no Juízo Criminal do Tribunal de Beja, e o arguido está acusado dos crimes de violação e roubo, perpetrados contra a sua ex-namorada.

João e Carolina (nomes fictício), mantiveram uma relação de namoro que terminou em 2014, mas em virtude da rapariga apresentar uma idade mental inferior à idade física, tendo uma incapacidade atribuída de 60%, levavam a que o individuo possui-se ascendência sobre a jovem.

Na altura da detenção de João, em comunicado a PJ revelou que os factos que lhe eram imputados ocorreram no dia 16 de novembro de 2017, quando atraiu Carolina à sua residência, onde a agrediu e obrigou a manter relações sexuais, acabando também por lhe roubar um telemóvel e 20 euros.

João encontra-se em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional de Beja desde meados de dezembro do ano passado, altura em que foi presente pela PJ no Tribunal de Instrução Criminal que lhe decretou a medida de coação mais gravosa.

Teixeira Correia

(jornalista)


Share This Post On
970x90_logo