Beja: Começa hoje a recolha de votos das Presidenciais, de confinados e dos lares.


A autarquia de Beja tem o dia de hoje e de amanhã para realizar a operação de recolha de votos das “Eleições Presidenciais 2021” dos cidadãos em confinamento e em lares. Há meia centena de inscritos.

Fechado, no domingo, o prazo para exercer o seu direito de voto em situação de confinamento, 50 cidadãos estão inscritos para exercer o direito de voto refente às eleições do próximo domingo para eleição do Presidente da República.

Segundo apurou o Lidador Notícias (LN), 42 eleitores são residentes na cidade de Beja e 8 nas freguesias rurais, nomeadamente Albernoa, Baleizão e Beringel. Dos eleitores de Beja há 15 em lares, 10 utentes do Lar do Patronato Santo António e 5 do Centro Paroquial e Social do Salvador.

Esta operação é para o presidente da Câmara Municipal de Beja, “um processo complexo e de difícil execução para a autarquia”, começando por lembrar que no limite “poderão deslocar-se 12 pessoas para recolher cada voto”, as três da autarquia, bombeiros, PSP ou GNR e um representante de cada candidatura.

Paulo Arsénio recordou que para ir a uma freguesia rural “teremos que nos deslocar pelo menos em três carros, mas se cada instituição ou candidatura levar uma, serão nove. É uma romaria para, em alguns casos para recolher um voto”, rematou.

Por causa da recolha de votos, a reunião de Câmara prevista para quarta-feira, dia 20 de janeiro de 2021, foi reagendada para dia 21 de janeiro de 2021, pelas 15.00 horas, por videoconferência através da plataforma ZOOM.

Quanto ao ato eleitoral do próximo domingo estão previstas 41 seções de voto no concelho, 22 nas freguesias urbanas e 19 nas denominadas freguesias rurais.

Teixeira Correia

(jornalista)


Share This Post On
970x90_logo