TECNOCRÓNICA (Opinião de Ademar Dias): filmes, consolas e videojogos… e é só!

Um grupo de investigadores da 20th Century Fox produziu um sistema de deep learning capaz de prever quem vai assistir a um filme, baseado no seu respetivo trailer.

Como? Centenas de trailers ao longo dos anos foram inseridos no sistema e cruzados com milhões de registos de audiência dos filmes.

Depois, coube ao sistema de inteligência artificial estabelecer ligações entre os elementos visuais dos trailers, tais como a iluminação, as cores, as faces, e outros elementos, à respetiva performance dos filmes dentro de um certo grupo demográfico.

O modelo treinado não só apresentou resultados bastante precisos da audiência para os filmes lançados, como conseguiu prever com sucesso novos filmes, a cerca de seis a oito meses de estrearem nas salas de cinema.

Acretido que as campanhas de marketing podem ganhar com esta inovação.

Nas consolas, a Nintendo faz notícia com a marca das 20 milhões de consolas Switch vendidas.

A gigante nipónica revelou, nos seus mais recentes resultados financeiros, que vendeu 1.88 milhões de unidades da sua consola Switch no último trimestre, até ao dia 30 de junho. Este número coloca o total de unidades vendidas nos 19.67, o que significa que agora, em agosto, já pode ter sido ultrapassado o patamar das 20 milhões de unidades vendidas.

Ainda que o ritmo na venda de consolas tenha diminuído, o futuro é prometedor para a Nintendo, uma vez que no final do ano serão lançados jogos como ‘Super Smash Bros. Ultimate’ e as duas edições de ‘Pokémon: Let’s Go’, títulos que constituem autênticos trunfos para a reta final de 2018 e que podem ajudar a Nintendo a atingir cumprir o objetivo estabelecido: vender um total de 20 milhões de Nintendo Switch até ao final de março de 2019.

Quem também apresentou novos dados sobre o mercado foi a Sony. Nos mais recentes resultados financeiros da marca consta que o número de consolas PlayStation 4 enviadas para as lojas é agora superior a 82.2 milhões.

Só nos primeiros três meses do atual ano fiscal, entre 1 de abril e 30 de junho, a Sony enviou para as lojas de todo o mundo mais de 3.2 milhões de consolas. Ainda assim, este valor representa uma descida de 100 mil unidades em relação ao mesmo período no ano fiscal anterior.

No entanto, e pelo lado positivo, a Sony reviu em alta a sua previsão para o número de consolas PlayStation 4 que serão vendidas no atual ano fiscal que vai até 31 de março do próximo ano. A estimativa cresceu para um total de 96 milhões de unidades, mais um milhão de unidades em comparação com a previsão anterior.

Os resultados financeiro apresentados revelam ainda que as receitas cresceram para o equivalente a 3.617 mil milhões de euros e os lucros cresceram para 64 mil milhões de euros. A razão para esta subida também foi revelada, nada mais e nada menos dos que o maior número de vendas, em comparação com o ano anterior.

Ainda sobre a Sony, já são agora conhecidos novos dados sobre o número de subscritores do serviço PlayStation Plus.

A empresa revelou que, neste primeiro trimestre do ano fiscal (abril a junho), registou-se uma pequena descida no número de assinaturas deste serviço premium. A queda foi na ordem dos 300 mil subscritores.

Ora, em março último a Sony anunciou 34.2 milhões de subscritores PS Plus, um valor que agora se fica pelos 33.9 milhões.

Outro dado: neste três meses foram enviados para as lojas e vendidos mais de 40.6 milhões de videojogos, um período durante o qual as versões digitais representam 43% dos jogos vendidos.

E falando de videojogos, um relatório da Gfk revelou os jogos mais vendidos durante a primeira metade do ano em vários países da Europa.

Há três nomes que dominam as listas, nomeadamente, FIFA 18, God of War e Far Cry 5. Portugal não foge à regra e FIFA 18 da Electronic Arts e God of War da Sony, por esta ordem, estão no primeiro e no segundo lugares dos jogos mais vendidos no nosso país, durante o primeiro semestre de 2018.

Portugal é ainda exemplo claro da popularidade de Grand Theft Auto 5, uma vez que somos o único país onde o jogo da Rockstar marca presença, nomeadamente com o terceiro lugar na lista nacional.

Quanto aos outros, Far Cry 5 está em primeiro lugar em 8 dos 13 países analisados. O jogo da Ubisoft aparece em 11 listas e só fica ausente nas tabelas de Portugal e Espanha.

FIFA 18 surge em 11 destes países, sendo o mais vendido em 5 países, o que demonstra a popularidade do título da EA Sports.

Já God of War, da Sony, lançado em abril último, é o único jogo disponível na tabela de todos os 13 países e o único jogo para uma só plataforma a conseguir marcar presença. O videojogo da Sony Santa Monica não conquista nenhum primeiro lugar, mas surge no segundo em 11 países.

Voltamos ao cinema para dar o destaque da semana de entre os filmes que agora chegam às salas nacionais. Em evidência “Missão: Impossível – Fallout”, película onde reina o género de ação.

Christopher McQuarrie é o realizador desta nova entrega da saga Missão Impossível onde volta a ser protagonista Tom Cruise.

Em “Fallout” Ethan Hunt (Tom Cruise) e a sua equipa IMF (Alec Baldwin, Simon Pegg, Ving Rhames) encontram-se com alguns conhecidos aliados (Rebecca Ferguson, Michelle Monaghan) numa corrida contra o tempo, depois de uma missão mal sucedida. Henry Cavill, Angela Bassett e Vanessa Kirby também se juntam ao fantástico elenco deste filme.

Trailer em https://www.youtube.com/watch?v=msMdn92-i2Y

Share This Post On