TECNOCRÓNICA (Opinião de Ademar Dias): empresas e finalmente o regresso ao cinema.

A consultora de gestão empresarial americana Boston Consulting Group divulgou a lista das 50 principais empresas mais inovadoras em todo o Mundo.

Ademar Dias

Jornalista

Rádio Horizonte Algarve/ Tavira

A Apple lidera a lista, o que não é inédito. A empresa de Cupertino conquistou esta distinção entre 2005 e 2018, baixando para o terceiro lugar no ano passado. Agora dá-se a recuperação do primeiro posto.

A lista das 50 empresas mais inovadoras do Mundo conta com muitos nomes conhecidos da área da tecnologia.

A Alphabet (mãe da Google) encontra-se no segundo lugar, depois de ter estado na liderança em 2019. Em terceiro surge a Amazon, que no ano passado ocupava a segunda posição, e a Microsoft mantém o 4º lugar.

O Facebook encerra o top 10, mas o grande destaque vai para a Huawei. A marca chinesa passou do 48º lugar em 2019, para o 6º lugar na atual classificação.

Pode ler o relatório completo das 50 empresas mais inovadoras em todo o mundo em https://image-src.bcg.com/Images/BCG-Most-Innovative-Companies-2020-Jun-2020-R-4_tcm9-251007.pdf

A Google anunciou o lançamento de uma opção que vai permitir aos novos utilizadores terem os dados do seu histórico eliminado automaticamente após 3 ou 18 meses.

Esta funcionalidade diz respeito aos dados da atividade na web e apps assim como ao histórico de localização. A funcionalidade, anunciada no ano passado, vai agora passar a ser ativada por padrão em novos utilizadores.

No caso de já ser detentor de uma conta Google e pretender ativar esta funcionalidade tem que se dirigir à secção de atividade na sua conta e selecionar a opção que prefere nas áreas de “Eliminação automática”.

O Facebook está a preparar o lançamento de uma nova funcionalidade na rede social que vai alertar os utilizadores caso estes estejam prestes a partilhar um artigo publicado há mais de 90 dias.

A funcionalidade foi anunciada numa publicação de blogue e será lançada a nível global, tendo sido pensada para dar aos utilizadores um maior contexto e que ajude a tornar a plataforma mais credível enquanto meio de distribuição de notícias.

O Facebook continua a ser criticado pela forma como ainda continua a manter-se à margem da desinformação que circula na rede social, levando até empresas a retirar a sua publicidade da plataforma como medida de protesto.

Os mais recentes dados da Kaspersky revelam que, em abril, o número diário de tentativas de ataques registou um aumento de 54% face a janeiro.

A investigação da empresa de cibersegurança, que analisou a atividade cibercriminosa nos primeiros cinco meses do ano, revela que Portugal é o oitavo país com mais utilizadores afetados. O top 20 é liderado pelo Vietname, com 7,9% dos ataques, seguindo-se a Argélia, com 6,67%, e a Coreia do Sul, com 6,23%.

As tentativas de ataque usavam os videojogos como “isco” e tinham como objetivo direcionar os utilizadores para websites maliciosos. Os dados da análise indicam que o Minecraft é o jogo mais utilizado pelos cibercriminosos e foram registados mais de 130.000 ataques. Os jogos das séries CS:GO e Witcher ocupam a segunda e terceira posição no top.

As salas de cinema voltam a abrir portas neste mês de julho, por isso, é tempo de voltarmos a reanimar o espaço onde se destaca a estreia da semana.

“O Rececionista” (“The Night Clerk” no título original) é realizado por Michael Cristofer e no elenco conta com Tye Sheridan, Ana de Armas e Helen Hunt como principais nomes.

Esta é a história de Bart Bromley (Tye Sheridan) um jovem rececionista no turno da noite que se torna testemunha do assassinato de uma mulher num dos quartos do hotel, mas os seus comportamentos suspeitos acabam por o colocar como principal suspeito. As imagens das câmaras de vigilância, que Bart mantém em segredo para observar os hóspedes, são a única forma de conseguir provar a sua inocência e salvar Andrea (Ana de Armas).

Trailer em https://www.youtube.com/watch?v=h9fso6CL59I&feature=emb_logo

Share This Post On
970x90_logo