Ourique: Município reforça a aposta na reciclagem.

O município de Ourique reforça a aposta na reciclagem através da recolha seletiva de resíduos porta-a-porta, em parceria com a ResiAlentejo.

Em linha com os desafios ambientais que se colocam a Portugal, o Município de Ourique e a RESIALENTEJO vão lançar um projeto piloto de recolha porta-a-porta no qual os munícipes irão pagar apenas os resíduos efetivamente produzidos. Portanto, quanto mais os munícipes reciclarem menos vão pagar pelo seu lixo.

Segundo o Relatório Anual de Resíduos Urbanos 2018, da Agência Portuguesa de Ambiente, “Em 2018 foram produzidas em Portugal 5,213 milhões de toneladas (t) de RU, mais 4% do que em 2017, mantendo-se a tendência, ainda que ligeira, de crescimento dos anos anteriores. Os esforços e investimentos que têm vindo a ser feitos no sentido do aumento da deposição seletiva, não têm tido os devidos reflexos nos comportamentos da população”.

A existência de ambiciosas metas ambientais para 2020 e as tendências registadas em 2018 (mais lixo e menos separação), num quadro de confiança da economia portuguesa e de dinamização do consumo, aconselham ao reforço do esforço global de mobilização dos cidadãos, das empresas e das instituições para a adoção de comportamentos mais sustentáveis.

Em linha com os desafios ambientais que se colocam a Portugal, o Município de Ourique e a RESIALENTEJO vão lançar um projeto piloto de recolha porta-a-porta no qual os munícipes irão pagar apenas os resíduos efetivamente produzidos. Portanto, quanto mais os munícipes reciclarem menos vão pagar pelo seu lixo.

O sistema PAYT (Pay-as-You-Throw) a ser implementado, a partir do dia 1 de janeiro de 2020, nalguns bairros e ruas da vila de Ourique (correspondente a cerca de 30% da população da vila de Ourique) visa o aumento da deposição de recicláveis e pretende beneficiar os munícipes que separam corretamente os resíduos.

Atualmente os munícipes pagam uma tarifa de resíduos calculada em função do consumo de água. Com o sistema PAYT pretende-se criar um sistema mais justo. Os munícipes irão apenas pagar os sacos destinados aos resíduos indiferenciados (LIXO). Os sacos destinados aos resíduos recicláveis (Vidro, papel/cartão e plástico e metal) são gratuitos.

O Município de Ourique continua a concretizar políticas autárquicas centradas nas pessoas, na valorização do território e na afirmação de Ourique e do seu Mundo Rural.

Share This Post On
970x90_logo