Ourique: Despiste de ciclomotor causa morte do condutor.

Condutor de um ciclomotor perdeu a vida, em Portela do Lobo (Ourique) na sequência do despiste do ciclomotor que conduzia. O corpo foi encontrado pelo condutor de um automóvel.

Um homem de 45 anos, residente em Aldeia de Palheiros, concelho de Ourique, morreu ontem na sequência do despiste do ciclomotor que conduzia, no Itinerário Complementar (IC) 1, ao quilómetro 682,5, no lugar da Portela do Lobo, o troço de maior sinistralidade rodoviária daquela via rodoviária.

Nuno Miguel Eufrásia, esteve num “bailarico” no lugar do Monte das Figueiras, a poucos quilómetros da residência, na companhia da mulher e de um casal amigo e insistiu regressar a casa na sua motorizada, pouco passava das 02,30 horas.

Por motivos ainda desconhecidos o indivíduo despistou-se, caiu numa ravina e só foi encontrado mais de duas horas depois por um automobilista, residente em Santiago do Cacém, que passou de carro no local e estranhou que alguns refletores do IC estivessem arrancados. Parou o automóvel, viu a motorizada caída na ravina, acabando por descobrir o corpo do motociclista, tendo de imediato avisado as autoridades.

Segundo apurou o LN a mulher de Nuno Eufrásia e o casal amigo procuraram durante duas horas o homem e o ciclomotor, mas não o conseguiram descobrir e só tiveram conhecimento do desenlace fatal pelas autoridades.

No local estiveram 11 operacionais dos Bombeiros Voluntários de Ourique a viatura de Suporte Imediato de Vida (SIV) de Castro Verde e a GNR, apoiados por cinco viaturas.

O corpo de Nuno Eufrásia, que deixa órfã uma rapariga, foi transportado para o Gabinete Médico Legal do Hospital de Beja, onde vai ser autopsiado.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On
970x90_logo