Odemira: Jogador do Sabóia que agrediu árbitro presente hoje a tribunal.

Notificado pela GNR, jogador do Sabóia que agrediu árbitro no sábado vai comparecer hoje no Tribunal  de Odemira para primeiro interrogatório.

Roberto Cardoso, natural de Albufeira, não concordou com uma decisão do árbitro e foi expulso por acumulação de cartões amarelos. O jogador não gostou e reagiu da pior forma, tendo agredido o árbitro com pontapés.

Segundo apurou o Lidador Notícias (LN) junto de fonte policial, “um indivíduo de 38 anos, foi detido pela GNR de Sabóia, que patrulhava o jogo e depois de constituído arguido, foi notificado para comparecer hoje às 10,00 horas no Tribunal de Odemira para ser ouvido em primeiro interrogatório”.

Recorde-se que o individuo, jogador da equipa do Sabóia, concelho de Odemira, é apontado como o autor da agressão a Bruno Duarte, um jovem de 25 anos, árbitro da Associação de Futebol de Beja, que foi agredido numa partida do Campeonato Distrital da 2ª Divisão.

Estavam decorridos 32 minutos de jogo e verifica-se um empate a uma bola. O jogo foi de imediato interrompido, já não tendo sido reatado.

O árbitro, residente em Castro Verde, foi apresentou queixa do agressor na GNR de Sabóia, seguindo depois para a sua residência tendo sido observado no Centro de Saúde da localidade.

Além da agressão ao árbitro, duas viaturas dos elementos da equipa de arbitragem, estacionadas dentro das instalações do clube, foram danificadas.

Bruno Duarte, mineiro nas minas de Aljustrel, árbitro de futebol há 10 amos, recebeu apoio e indicações do Conselho de Arbitragem de Beja, no sentido da formalização da queixa contra o agressor.

A partida entre o Sáboia Futebol Clube e Centro de Cultural e Desporto do Bairro da Conceição (Beja) dizia respeito à 4ª jornada da Segunda Fase, Apuramento do Campeão, do Distrital de Seniores da 2ª Divisão da A.F. Beja.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On
970x90_logo