Odemira: Detido com 9.600 doses de cannabis. Ficou em prisão preventiva.

Ficou em prisão preventiva o indivíduo de 60 anos detido na segunda-feira, em São Teotónio, concelho de Odemira, por tráfico e cultivo de estupefacientes, que tinha na sua residência 9.600 doses de cannabis.

O suspeito cultivava a cannabis na sua residência e depois procedia à sua venda nas zonas de Odemira e também em Lisboa.

A investigação que esteve a cargo da Seção de Informação e Investigação Criminal (SIIC) sediada no Comando Territorial de Beja (CTBeja) da GNR, já durava há dois meses, tendo sido concretizados três mandados de busca, um à residência do suspeito e a dois veículos sua propriedade.

A operação culminou com a apreensão de 9600 doses de cannabis, uma caçadeira, uma pistola de airsoft, uma réplica de arma de fogo, um automóvel, dois telemóveis, dois computares portáteis, dois tablets e 850 euros em numerário.

Os militares apreenderam no decurso das buscas, produtos químicos, sistemas de ventilação, rega e calor, que permitiam o controlo da temperatura e um cultivo contínuo do estupefaciente.

O detido foi presente ontem (quarta-feira) no Tribunal Judicial de Odemira, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Beja, onde vai aguardar julgamento.

Além dos militares da SIIC, estiveram envolvidos operacionais do Núcleo de Investigação Criminal de Odemira e do Destacamento de Intervenção do CTBeja.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On
970x90_logo