GNR: “Operação Lagareiro” em curso até ao próximo dia 31 de Janeiro.

A operação Lagareiro, da Guarda Nacional Republicana (GNR), realiza-se até dia 31 de Janeiro de 2016, em todo o território nacional.
OURIQUE- Furto azeitona_800x800As acções de fiscalização vão decorrer em instalações fabris de produção de azeite, com o objectivo de identificar situações de incumprimentos à legislação em vigor sobre esta matéria, em particular no que respeita ao funcionamento e licenciamento das instalações fabris de produção e ao encaminhamento e gestão de resíduos.

No distrito de Beja no que vai de campanha foram feitas cinco detenções, três das quais, dois homens e uma mulher, todos de etnia cigana, residentes em Aljustrel, foram detidos ao início da tarde desta quinta-feira em flagrante delito quando se dedicavam ao furto de azeitona em Ourique.

As detenções foram feitas por militares do Posto da GNR de Ourique, na sequência de um patrulhamento rural e na altura em que foram detetados os suspeitos já tinham na sua posse cerca de 650 quilos de azeitona.

Um armazém da Herdade do Sobrado, localizado perto dos Gasparões, concelho de Ferreira do Alentejo, foi assaltado e roubados 63 varejadores manuais de azeitona. Segundo apurou o Lidador Notícias (LN), junto de fonte do Grupo Âncora, proprietários da exploração agrícola, o prejuízo ultrapassou os 60 mil euros.

Os militares do SEPNA estarão atentos ao licenciamento dos lagares, à gestão de todos os resíduos provenientes da transformação da azeitona em azeite, bagaço e águas ruças e outras situações ilegais que constituam infracção às normas de protecção do ambiente.
A correta gestão dos resíduos assume especial importância na prevenção de agressões ao ambiente, promovendo assim métodos produtivos mais benéficos para o meio ambiente, bem como a sensibilização para os cuidados necessários para evitar derrames de águas poluídas e de outros resíduos no solo.
Teixeira Correia
(jornalista)
Share This Post On