Évora: EDIA e DRCAlentejo promovem exposição até 30 de abril.

EDIA e Direção Regional de Cultura do Alentejo esta terça-feira, dia 21 de fevereiro pelas 18 horas, na Galeria da Casa dos Burgos, em Évora, a exposição “LUZ: Arqueologia nos Novos Caminhos da Água”.

O território da aldeia da Luz foi desde sempre marcado pela sua relação privilegiada com o rio Guadiana, que lhe serve de limite geográfico, a par com a ribeira do Alcarrache.

Muitos são os vestígios da ocupação deste espaço ao longo dos tempos, por aqueles que procuraram nas margens destes rios uma fonte de água e alimento.

Nesta exposição, a qual promove uma parceria da EDIA e do Museu da Luz com a Direção Regional de Cultura do Alentejo, pretende-se mostrar o contexto das campanhas de trabalhos arqueológicos executados no âmbito do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva (EFMA), onde foram inventariados cerca de 6800 novos sítios arqueológicos e intervencionados mais de 1700.

Só no território da Freguesia da Luz, inventariaram-se mais de 240 elementos patrimoniais, tendo-se realizado escavações arqueológicas em cerca de 50. Foram intervencionados sítios na área a submergir pela albufeira da barragem Alqueva, mas também na área da nova aldeia da Luz, bem como no âmbito dos processos de emparcelamento rural ou de construção das redes de rega e viárias.

Os inevitáveis impactes destes “Novos Caminhos da Água”, no que ao Património Cultural diz respeito, são considerados extremamente positivos, pela quantidade de informação científica produzida.

Esta mostra estará patente na Galeria da Casa de Burgos, em Évora, até ao dia 30 de Abril e poderá ser visitada de Segunda a Sexta-feira, das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

Share This Post On