Beja: Pena de prisão suspensa para tentativa de homicídio.

Foi condenado a pena de prisão, suspensa, o indivíduo de 52 anos, que tentou matar outro individuo com uma faca, depois de uma discussão, seguida de agressões ocorrida na via pública, em Beja.

Vítor C., foi condenado a 4 anos de prisão, suspensa pelo mesmo período sujeito a regime de prova e acompanhamento médico por problemas psicológicos, pelo crime de tentativa de homicídio simples na forma tentada. Foi ainda condenado a pagar uma indemnização à vítima no valor de 2.500 euros.

O arguido chegou a tribunal acusado do referido crime, mas na forma agravada, tendo o Coletivo, presidido pelo juiz Vítor Maneta, dado como provado que foi a vítima quem cometeu a primeira agressão, e que Vítor C. terá respondido à mesma. O indivíduo foi absolvido dos crimes de ofensa à integridade física simples e detenção de arma proibida.

O magistrado lembrou ao arguido que “só não matou o seu opositor porque não conseguiu abrir a porta do prédio”, onde este se refugiou, sustentando que apesar de assumir os factos “não se mostrou arrependido, nem pediu desculpa à vítima”, justificou.

Os factos ocorreram em novembro de 2017, tendo a troca de ofensas e agressões ocorreu num estacionamento, junto ao Museu Regional de Beja, no centro histórico da cidade. Não satisfeito Vítor C., foi a casa, muniu-se de uma faca com cerca de 30 centímetros de comprimento, dirigindo-se depois à residência do seu opositor, acabando por correr atrás dele com o objetivo de lhe tirar a vida.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On
970x90_logo