Beja: GNR fez oito detenções por condução sob efeito do álcool, entre 16 e 22 de abril.

A GNR deteve três pessoas por caça ilegal, no conjunto de operações que o Comando Territorial de Beja levou a efeito no distrito de Beja, na semana de 16 a 22 de abril.

Dos catorze indivíduos detidos em flagrante delito, destacam-se oito por condução sob o efeito do álcool e três por caça ilegal.

As detenções são alguns dos destaques de um conjunto de operações, no distrito, levadas a cabo pelo Comando Territorial Beja na semana de 16 a 22 de abril, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras.

No comunicado sobre a actividade operacional enviado à redacção do Lidador Notícias (LN), a GNR dá também conta que foram apreendidas 27 doses de haxixe, três armas de fogo, uma mira telescópica, cinco carregadores, uma mira de visão noturna, 45 munições e três armas brancas.

Das acções de fiscalização de trânsito e da fiscalização em geral, evidenciam-se os seguintes registos: 253 infrações detetadas, com destaque para 24 relacionadas com tacógrafos, 20 por excesso de velocidade, 17 por falta de inspeção periódica obrigatória, 10 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório e 10 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

Quanto à sinistralidade rodoviária, a GNR registou vinte e cinco acidentes, destacando-se: dois feridos leves. No que respeita à fiscalização geral, foram elaborados  dezassete autos de contraordenação, sendo onze no âmbito da legislação policial e seis no âmbito da legislação da proteção da natureza e do ambiente.

A GNR levou ainda a cabo, cinco ações de sensibilização no âmbito da campanha “Idosos em Segurança” (prevenção de burlas), tendo sido sensibilizados 54 idosos e quatro de âmbito escolar, tendo sido sensibilizados 227 alunos e 17 professores.

Vila Nova de Milfontes –  Três detidos por caça ilegal

O Comando Territorial de Beja, através do Destacamento Territorial de Odemira, dia 21 de abril, deteve três homens com idades compreendidas entre os 44 e 59 anos de idade, por exercício da caça por meios ilegais, em Vila Nova de Milfontes.

Durante uma operação de fiscalização à caça, os militares detetaram os indivíduos a caçar javalis durante o período noturno, utilizando para o efeito uma  mira de visão noturna, pelo que foram detidos, sendo-lhes apreendido: Três carabinas; 45 munições; Cinco carregadores; Uma mira de visão noturna; Uma mira telescópica e Três armas brancas.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e sujeitos a termo de identidade e residência. A referida operação contou com o apoio do Destacamento de Intervenção de Beja.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On