Beja: Cadastrado condenado a cinco de prisão por assaltar duas idosas.

Um homem de 44 anos, foi ontem a uma pena efetiva de prisão de cinco anos, por dois crimes de roubo por esticão, perpetrados nas ruas de Beja contra duas idosas.

Luís Penas, residente em Beja, com um passado também ligado ao consumo de estupefacientes, foi condenado a 2 anos e 6 meses por um dos roubos e a 3 anos e 6 meses por outro, no que resultou uma pena única de cinco anos de prisão.

Após os dois furtos, ocorridos em março do corrente ano, e depois de identificado pelas vítimas, o individuo foi detido por agentes da PSP em locais da cidade de Beja identificados com o tráfico de estupefacientes.

Além de um telemóvel, uns óculos de sol e vários documentos pessoais das vítimas, o arguido roubou 5 euros a uma das mulheres e 16,80 euros a outra.

Na leitura do acórdão o juiz Vítor Maneta, presidente do Tribunal Coletivo, justificou a pena com o facto do arguido tem um vasto historial de condenados por roubo e furto. “Já passou por aqui tantas vezes e por tantas coisas que não se pode ter outra decisão”, acrescentando que “estar lá dentro é a única forma de você estar bem. Hoje está aqui bem apresentado e calmo”, justificou o magistrado.

O homem está a cumprir pena de prisão por outros roubos, tendo o juiz justificado que “se tiver que sair por acabar a pena cumpre, vai continuar na cadeia, como preso preventivo por causa desta condenação”, rematou Vítor Maneta.

Teixeira Correia

(jornalista)

Share This Post On
970x90_logo